sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

A EDUARDO CUNHA SÓ RESTARAM AS ALGEMAS










Sobraram apenas as brilhantes algemas para Eduardo Cunha.

Golpistas liderados por ele, Michel Temer e Aécio Neves sofreram uma derrota acachapante no Supremo Tribunal Federal.

A comissão de deputados avulsos anti-Dilma, criada por Cunha e Temer, por meio de um golpe no Regimento da Casa, foi derrubada.

A Câmara dos Deputados terá de fazer a eleição dos membros da comissão especial para examinar o pedido de impeachment de acordo com a proporcionalidade partidária.

A votação tem que ser aberta.

E o Senado teve reconhecido o poder para arquivar o processo com votação de maioria simples.

O afastamento da presidenta por 180 dias, como previsto na Constituição, só poderá ocorrer depois de aprovado no senado por 3/5 dos senadores.

Temer rola ladeira abaixo. Cunha aguarda as algemas. E Aécio desaparece na nuvem de sua mediocridade.

Não vai ter golpe.



Nenhum comentário:

Postar um comentário