domingo, 11 de setembro de 2016

Publicado no Facebook em 13 de fevereiro/2016 - NÃO ESPERAREMOS OUTROS 50 ANOS PELAS DESCULPAS DA REDE GLOBO POR MAIS UM GOLPE DE ESTADO.





30 de março/2016
 
NÃO ESPERAREMOS OUTROS 50 ANOS PELAS DESCULPAS DA REDE GLOBO POR MAIS UM GOLPE DE ESTADO.
MARCHAREMOS SOBRE VOCÊS E NÃO RESTARÁ QUEM PEÇA DESCULPAS.


Rodolfo Vasconcellos
Rodolfo Vasconcellos 13 de fevereiro ·
 
O TRIPLEX DOS FILHOS DE ROBERTO MARINHO NÃO É DELES, MAS DE ENVOLVIDO NA LAVA-JATO


A Helena Sthephanowitz, na Rede Brasil Atual rasgou a fantasia do triplex da família Marinho em Paraty.

Descobriu e provou, com documentos, que a casa está no nome de uma empresa de fachada, a Agropecuária Veine Patrimonial, com “sede” no apartamento 601 do número 296 da Rua Bulhões de Carvalho, que liga Ipanema a Copacabana.

E que a tal “agropecuária” tem participação da offshore Murray, a mesma que está sendo investigada pela Lava jato por suposta fraude na compra de apartamentos no Guarujá, no mesmo conjunto onde Lula desistiu de comprar um imóvel.

INVESTIGAÇÃO DO SITE VIOMUNDO: MINHA CASA NÃO É MINHA

Diante da notícia da Rede Brasil Atual de que a empresa que tem em seu nome a mansão de praia dos irmãos Marinho em Paraty — a Agropecuaria Veine Patrimonial — tem ligação com empresa sob investigação na Operação Lava Jato, submetemos o assunto a um investigador com vasta experiência no rastreamento de empresas — no Brasil e no Exterior.

Ele, TC, fez um relatório inicial sublinhando que a menção a nomes não implica envolvimento em qualquer tipo de irregularidade.

De acordo com nosso investigador, a mansão dos Marinho está em nome de uma empresa que tem como sócia a Vaincre LLC, que por sua vez é controlada pela Camille Services, que por sua vez representa a Mossack Fonseca & Co., investigada na Operação Lava Jato. A licença da Vaincre nos Estados Unidos “expirou” duas semanas depois de deflagrada a Operação Lava Jato.
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário