terça-feira, 11 de abril de 2017

ESTUDANTES DE MEDICINA ARREIAM AS CALÇAS SOB OS JALECOS QUE ESCONDEM LANGERRIS LILÁS



DESCONFIO MUITO DE QUALQUER ARROUBO DE MACHISMO, TIPO OS DO FASCISTA BOLSONARO. AÍ ESTÁ MAIS UM RESULTADO DE SUAS FALAS PRECONCEITUOSOS, SEXISTAS.
TENHO CONVICÇÃO QUE POR BAIXO DESSES JALECOS TODOS VESTEM CALCINHAS RENDADAS NA COR LILÁS PARA COBRIR SUAS BUNDINHAS ESPERANÇOSAS

Alunos de medicina da Universidade de Vila Velha (UVV) com especialização em ginecologia, foram denunciados pelo Sindicato dos Médicos do Espírito Santo (Simes) ao Conselho Regional de Medicina (CRM-ES) por acusação de apologia ao estupro. Os jovens aparecem em uma foto publicada na internet vestindo jaleco, com as calças abaixadas até os tornozelos e fazendo um gesto com as mãos, que remete à genitália feminina.

Uma dela foi postada no perfil do Instagram de um dos estudantes com a legenda "#PintosNervosos". Em nota, a Universidade afirmou que "repudia qualquer tipo de ofensa a uma profissão tão importante e fundamental como a medicina".
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário