segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

SERGIO MORO: JUIZ PARCIAL, HOMEM DESMORALIZADO



SENTENÇA DE SERGIO MORO É MEDIEVAL, DIZ FILÓSOFO

Filósofo autor do livro "Falácias de Moro" afirma, em entrevista à TV 247, afirma que quando leu a sentença do juiz Sergio Moro contra o ex-presidente Lula notou "que havia nela várias falhas de lógica – e não eram poucas"; "Falácia é um erro de raciocínio", explicou Euclides Mance, "que leva a tomar o falso por verdadeiro"; "A existência das falácias invalida as conclusões a que o juiz chega", acrescenta; segundo ele, "a sentença não diz quem, onde, como, quando, porque e com quais poderes tornou o ex-presidente proprietário real desse imóvel, pois ele nunca foi entregue, o ex-presidente nunca o recebeu"


Nenhum comentário:

Postar um comentário