terça-feira, 2 de agosto de 2011

O Meu Novo Pernambuco Chegou...

.
.
.
.
.
.
.
Desde o início do Governo Lula, nosso Pernambuco – espelhando o que acontecia em todo o Brasil – passou a caminhar a passos largos para recuperar o tempo perdido com Marco Maciel e Cia. Ltda.
.

Hoje o Governo de Pernambuco promove qualificação profissional a 17.077 alunos em 13 escolas técnicas que tem por meta inaugurar outras 43 até 2014.

O Sistema S, através do SENAI, integra o esforço por qualificação, e já capacitou 23 mil pessoas entre 2007 e 2010. Este ano serão formados mais 48 mil técnicos.

O Instituto Federal de Pernambuco, que ensina a um total de 14 mil estudantes, em nove municípios, criou em novembro de 2007 um campus em Ipojuca, na região metropolitana do Recife, e aUniversidade Federal de Pernambuco vai abrir o vestibular para Engenharia Naval.

Ali está instalado o complexo industrial portuário de Suape, e os cursos vão atender às necessidades de petróleo e gás e do Estaleiro Atlântico Sul, com cursos de técnico em construção naval e técnico em petroquímica.

O Ministério do Trabalho, por sua vez, abriu cursos para pedreiro, carpinteiro, armador e encarregado civil do Plano Setorial de Qualificação para petróleo e gás, nos quais seis mil candidatos foram selecionados, e as mulheres são maioria no curso de pedreiro.
.

Esta é a fotografia do nosso Pernambuco atual, onde o “orgulho de ser pernambucano” não se restringe mais ao Frevo, Maracatus e Mangue Beat; a Porto de Galinhas, Olinda e Gravatá; Circuito do Frio, São João de Caruaru e Carnaval de Olinda, Recife e Bezerros.
.

Este é o Pernambuco pelo qual tanto sonhamos, com emprego para os jovens da periferia, que sempre foram esquecidos ou empurrados para as margens dos canais que cortam nossa Capital, ou para os campos do Sertão onde se cultiva maconha.
.

Salve Terra dos Altos Coqueiros!...
.
.
.
.
.
.