segunda-feira, 9 de junho de 2008

A Paixão, Cega.


.
.
.

UM PAÍS DE CAOLHOS

Um OLHO vê o portão do vestiário dos aflitos fechado.
O OUTRO OLHO é cego para enxergar o portal fechado em São
Januário
, que impediu o Sport Recife de aquecer no gramado,

tendo que fazê-lo dentro de um vestiário com cheiro de cola
de sapateiro e de tinta de parede.

Um OLHO arregala-se para ouvir a referência de caráter
Wanderley Luxemburgo dizer que teve dificuldades para chegar
à ilha, e que a comida de um Hotel 5 estrelas fez mal aos
seus jogadores.
O OUTRO OLHO é cego para enxergar as imagens do ônibus do
Sport Recife sendo apedrejado no mesmo São Januário.

Um OLHO vê a 'truculência' da Polícia Pernambucana ao
prender um indivíduo (igual a outro qualquer), após
desrespeitar várias leis (gestos obscenos, agressão, etc.).
O OUTRO OLHO é cego para enxergar a mesma 'truculência'
quando no Morumbi um jogador argentino foi algemado e preso
ainda no estádio.

Um OLHO assiste passivamente o presidente da federação
carioca de futebol pedir para que não haja mais jogos de
futebol em Pernambuco.
O OUTRO OLHO
é cego para lembrar que o estádio de São

Januário pertence a um clube filiado a esta mesma federação
carioca.

Um OLHO se enche de brilho para falar e criticar os fogos de
artifícios soltados por torcedores no Recife em frente a
hotéis que hospedam delegações de clubes do sul.
O OUTRO OLHO é cego para enxergar as imagens dos foguetórios
realizados em Porto Alegre, São Paulo e Rio de Janeiro,
sempre que partidas decisivas são realizadas lá.

Um OLHO se abre para criticar o Estado de Pernambuco, seus
Estádios de Futebol (onde se diga nunca houve mortes por
brigas de torcidas), e seus Clubes.
O OUTRO OLHO fica cego e não se lembra das mortes de
torcedores em estádios do sudeste e do sul.

Um OLHO se abre de PRECONCEITO.
O OUTRO OLHO se fecha de VERGONHA.

.
.
.
Texto de autoria de
Marcelo Brito Carneiro Leão
gentilmente enviado através de e-mail
por Luiza Roberta Dias - minha querida Lulu.


2 comentários:

  1. Anônimo12:29 PM

    Rodolfo:

    Vi que trabalhaste no BNCC.

    Me tira uma dúvida.

    Quem tinha dívidas com o BNCC, terá que procurar qual órgão do governo para renegociar essa dívida e liberar os bens dados em garantia?

    Saberia me dizer ?

    Obrigado

    Pedro

    pedro.aml@hotmail.com

    ResponderExcluir
  2. Caro Pedro.
    Quem ficou responsável pelo ativo do BNCC, foi a Secretaria
    do Tesouro Nacional, lá em Brasília-DF. Fica no anexo do Ministério
    da Fazendo.
    Infelizmente não tenho os telefones nem e-mail, porém se ligares no
    geral do MF, conseguirás algum Departamento na STN que responde pelo
    BNCC.
    Espero haver ajudado, e obrigado pela visita ao meu Bastidores.

    ResponderExcluir