segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

AÉCIO NOIADO: "PERDI PARA UMA ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA"






Em entrevista ao jornalista Roberto D' Ávila, da Globonews, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) bateu duro no PT e na presidente reeleita Dilma Rousseff; "Na verdade, eu não perdi a eleição para um partido político. Eu perdi a eleição para uma organização criminosa que se instalou no seio de algumas empresas brasileiras patrocinadas por esse grupo político que aí está", disse ele; declaração foi rebatida por lideranças petistas; "Aécio mostra que não sabe perder. Não é só um problema político, ele está abalado psicologicamente", diz o secretário de Comunicação José Américo.

O senador Aécio Neves (PSDB-MG) fez duras críticas ao PT e a à presidente Dilma Rousseff, ao participar de um programa de entrevistas, na Globonews, comandado pelo jornalista Roberto D'Ávila.

"Na verdade, eu não perdi a eleição para um partido político. Eu perdi a eleição para uma organização criminosa que se instalou no seio de algumas empresas brasileiras patrocinadas por esse grupo político que aí está", disse ele.

Na mesma entrevista, ele disse ter sido vítima uma "campanha sórdida".

"Essa campanha passará para a História. A sordidez, as calúnias, as ofensas, o aparelhamento da máquina pública, a chantagem para com os mais pobres, dizendo que nós terminaríamos com todos os programas sociais. Essa sordidez para se manter no poder é uma marca perversa que essa eleição deixará".

A declaração foi rebatida pelo secretário de Comunicação do PT, José Américo. "Aécio mostra que não sabe perder. Não é só um problema político, ele está abalado psicologicamente. A derrota em Minas abalou Aécio porque, ao perder no seu estado, perdeu também a corrida dentro do próprio PSDB", afirmou.






Nenhum comentário:

Postar um comentário