quarta-feira, 2 de novembro de 2016

JUIZ DA "INFÂMIA E DA INDECÊNCIA" - ALEX COSTA DE OLIVEIRA



Por falta de fotos no Google de Alex Costa de Oliveira


 
O TRAVESTIDO DE JUIZ ALEX COSTA DE OLIVEIRA (QUE NÃO TEM UMA ÚNICA FOTO NO GOOGLE) CONSEGUIU UMA MANEIRA CRIMINOSA DE PEGAR UMA BRECHA NO HOLOFOTE DA INDIGNIDADE QUE ASSOLA O PAÍS
 
 
a seguir, parte de texto de Alex Solnik no 247
 

Nem na ditadura de 64 se viu algo semelhante. Havia tortura institucionalizada, mas era tudo muito bem escondido e nenhum juiz militar alguma vez teve coragem de aprovar tortura de presos políticos.

Pois o juiz Alex Costa de Oliveira, da Vara da Infância e Juventude do Distrito Federal (TJDFT), autorizou a Polícia Militar a proibir na escola o acesso de parentes e amigos dos estudantes, cortar luz, a entrada de alimentos (o que ele, mata-los de fome?) e ainda permitiu, como está em seu despacho "o uso de instrumentos sonoros contínuos, direcionados ao local da ocupação, para impedir o período de sono". Isso é tortura!

Há fortes suspeitas para supor que, usando Brasília como precedente, todas as mais de 1000 escolas ocupadas atualmente poderão ser atacadas da mesma forma, se os órgão competentes e a sociedade brasileira não reagirem contra essa medida ditatorial e anticonstitucional, que atenta contra a liberdade de expressão e até a vida de jovens brasileiros.
 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário